• ENEjr

Fator de potência: a maior multa da sua tarifa de energia

O fator de potência pode estar gerando multas e ser o grande causador do aumento das suas tarifas de energia elétrica.

Fonte: Pararaio Eletrônico.


Mas o que é fator de potência?


O que é potência reativa?


Como saber se você está pagando multa?


Como acabar com as multas?


Você sabia que corrigir o fator de potência, também aumenta a eficiência dos seus equipamentos elétricos?


Aqui você verá tudo que precisa para entender e acabar de vez com esse problema na sua indústria.


O que é fator de potência


Fator de potência é a relação entre energia ativa e energia reativa de uma unidade consumidora.


Energia ativa é aquela que gera trabalho útil.


Energia reativa é utilizada para os efeitos eletromagnéticos dos equipamentos elétricos.


Em outras palavras pode-se dizer que o fator de potência é a quantidade de energia elétrica consumida que está sendo transformada em trabalho útil.


Representa a eficiência do uso da energia.


A energia reativa é necessária e essencial para o funcionamento dos equipamentos, mas deve ser a menor possível para garantir uma maior eficiência do mesmo.


Cada equipamento possui seu próprio fator de potência, mas com o passar dos anos, vão diminuindo, assim como a sua eficiência.


Se o fator de potência de um equipamento é igual a 0,9, significa que 90% da corrente que entra nesse equipamento está produzindo trabalho útil.


Como surge


Para alguns equipamentos como os motores, geradores e transformadores funcionarem, são necessários tipos diferentes de energia.


Já vimos que existem as energias ativa (geram trabalho) e reativa (geram campos eletromagnéticos).


A energia reativa pode ser indutiva ou capacitiva, dependendo das características de cada equipamento.


Cada concessionária possui um horário específico para cobrança do nível de fator de potência.


Geralmente das 00:00 às 06:00 o valor de fator de potência capacitivo não pode ultrapassar 0,92.


E das 06:00 às 00:00 o fator de potência indutivo não pode ultrapassar 0,92.


Quanto maior o consumo de energia reativa, mais baixo será o fator de potência.


De forma mais técnica, podemos dizer que a potência reativa surge através da quantificação da defasagem entre as ondas de tensão e corrente.

Por que pago multa


Como a energia reativa é utilizada para produzir os efeitos eletromagnéticos, e dessa forma, não gera trabalho, ela não pode ser cobrada na fatura de energia.


Assim, a energia reativa entra e sai dos equipamentos elétricos, e sempre acaba voltando para a rede elétrica.


Essa energia ocupa um “espaço” nas linhas de transmissão, pelo fato de ficarem transitando entre a carga (equipamentos elétricos) e a fonte (linhas de transmissão).


Esse espaço poderia ser usado para transportar energia ativa, que produz trabalho e pode ser cobrada pela concessionária.


O excesso de energia reativa na rede causa alguns malefícios nas linhas transmissão como:

  • Exige condutores de maior secção, o que acaba causando maior aquecimento nas linhas e por consequência maiores perdas de tensão.

  • Exige transformadores de maior potência para fazer a transição correta de energia entre a carga e a fonte.

Como forma de limitar a quantidade de energia reativa que circula na rede, a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) estabelece um valor de fator de potência mínimo de 0,92.


Dessa forma, a concessionária garante a mesma qualidade de energia elétrica para todas as unidades consumidoras.


As empresas que possuem o fator potência abaixo de 0,92 pagam multa, muitas vezes encontrada nas tarifas como: “Multa Excedente FP” ou “Energia Reativa FP”.


Quanto menor for o seu fator de potência, maior será o valor de multa cobrado pela concessionária.


Esse tipo de multa costuma ser bem caro, o que representa uma grande parcela do valor da tarifa elétrica.


Como acabar com as multas


Esse problema é resolvido com o dimensionamento correto de capacitores.


Mas o que são capacitores?


Capacitores são equipamentos capazes de armazenar energia reativa e liberarem quando necessário.


Para acabar com as multas de fator de potência é necessário adicionar cargas a redes, por meio de um banco de capacitores.


Quando dimensionados corretamente, o banco de capacitores impede que o fator de potência fique abaixo de 0,92 e dessa forma, não ocasione multas.


Eles atuam armazenando a energia reativa e fornecendo de forma correta aos equipamentos.


Através da análise do memorial de massa da sua indústria, obtido através da concessionária, é possível fazer o dimensionamento correto das cargas a serem adicionadas.


Além de acabar com as multas cobradas pela concessionária, também aumentam a eficiência dos motores.


Vale ressaltar que residências não pagam multas de fator de potência.


Como saber se você está pagando multa


Existem alguns equipamentos que consomem elevadas quantidades de energia reativa, e necessitam que se tenha maior acompanhamento


Indústrias que trabalham com uma grande quantidade de motores precisam ficar de olhos abertos para evitar que eles operem de forma indevida.


Grandes quantidades de pequenos motores também costumam consumir muita energia reativa.


Transformadores de baixa carga, fornos de indução, refrigeradores de alta potência e lâmpadas de reatores também costumam ocasionar problemas com fator de potência.


Você pode identificar na sua fatura de energia se está pagando multa.


Não achou?


Fazemos a análise de forma gratuita para você. Aqui!


Benefícios


  • Fim das multas de fator de potência

  • Aumento da vida útil dos equipamentos e instalações

  • Redução das perdas de energia, menor aquecimento

  • Melhor aproveitamento dos transformadores

  • Maior qualidade de energia, pois haverá menor variação de tensão

  • Retorno do investimento menor que 1 ano.


Além de acabar com as multas que ocasionam elevados custos na sua fatura de energia, o dimensionamento correto de um banco de capacitores na sua indústria também traz diversos outros benefícios.


Ainda ficou com dúvida?


A ENEjr é uma empresa vinculada a Universidade Federal de Santa Catarina, entre em contato com nós que te ajudamos a resolver seu problema!

Faça o download gratuito do nosso Ebook de fator de potência!